Amante Finalmente - J.R. Ward




Sinopse:

Qhuinn está acostumado à solidão. Repudiado por sua linhagem e evitado pela aristocracia, ele finalmente encontrou uma identidade como um dos lutadores mais brutais na guerra contra a Sociedade Redutora. Mas sua vida não está completa. Mesmo que a perspectiva de ter uma família esteja ao seu alcance, ele está vazio por dentro, com o coração entregue a outra pessoa... Blay, depois de anos de amor não correspondido, acredita já ter superado Qhuinn. E já era hora: o homem parece ter encontrado o seu par ideal em uma fêmea Escolhida, e eles terão um filho, exatamente como Qhuinn sempre quis. O destino parece ter levado a vida desses vampiros soldados em direções diferentes... Mas a batalha pela liderança da raça se intensifica, e os novos jogadores na cena de Caldwell estão criando um perigo mortal para a Irmandade. Qhuinn finalmente descobre a verdadeira definição de coragem, e os dois corações que estão destinados a ficar juntos... finalmente se tornam um.


Minha Opinião:

Amante Finalmente é o 11º livro da série Irmandade da Adaga Negra (também conhecida como IAN aqui no Brasil), escrita pela minha autora mais querida J.R. Ward.

Este é sem dúvida o meu livro preferido da IAN!!! Fica até difícil escrever uma resenha sobre ele porque eu me emociono e tenho ataques de fangirl toda vez que penso, leio ou falo sobre ele rsrsrs mas vamos lá...

Depois de enfrentar muitas mágoas e dramas no seu passado devido a rejeição da sua família, Qhuinn está pronto para seguir em frente e ter sua própria família - mesmo que não seja de um jeito convencional. Ele e a Escolhida Layla queriam ter um filho mesmo sem que exista nada romântico entre os dois nem nenhum tipo de compromisso, só a necessidade de ter um pedacinho seu na Terra e algo pelo que viver e a quem amar. Então, quando eles tem a chance e tudo indica que eles conseguirão realizar esse sonho, isso é motivo de grande esperança para Qhuinn. Porém, enquanto por um lado as coisas à princípio parecem se encaminhar bem, por outro, sua vida sentimental não poderia estar mais complicada: apaixonado pelo seu ex-melhor amigo e colega de lutas na Irmandade, ele não sabe o que fazer; conviver com esse sentimento e com o fato de que Blay está numa relação bem sucedida com o seu primo tem se tornado cada dia mais difícil. Além disso, a guerra pelo trono está cada dia mais perigosa e os inimigos do Rei usam de todos os tipos de armadilhas e subterfúgios para tentar destroná-lo. E Qhuinn junto com o resto da Irmandade fará de tudo para que isso não aconteça.
Blaylock sempre foi apaixonado por Qhuinn mas depois de anos de amor não correspondido e sofrimento ele teve que tentar seguir em frente para sua própria saúde mental e emocional. Então, depois de começar a namorar Saxton ele tem tentado seguir adiante mas conseguir matar o amor que sente por Qhuinn tem se mostrado efetivamente impossível não importa o que ele faça. Ao mesmo tempo em que sofre por achar que Qhuinn finalmente conseguiu o que sempre quis; ter uma shellan e um filho. E por causa disso saber que nunca vai ter uma chance com ele. Mas as coisas não se mostram tão definitivas quanto ele pensava e em meio à disputa pelo trono, missões e batalhas da Irmandade, ele vai descobrir que tudo pode mudar e que as forças do amor e do perdão podem ser muito poderosas.

Eu simplesmente AMO esse livro e o casal Qhuinn e Blay é um dos meus casais preferidos não só da série quanto também da literatura em geral. #TeamQhuay4Ever
E eu tenho verdadeira paixão pelo Blay, ele é o meu queridinho da série. Sabe aqueles personagens de quem você adoraria ser melhor amiga, trocar confidências e passar tempo juntos? Pois é. Eu adoraria que o Blayzinho fosse meu BFF. kkkkkkkk ^^ Ele é integro, decente, um fofo, e um amor de pessoa, então gostei dele logo de cara desde a primeira vez em que ele apareceu num livro da série. Já sobre o Qhuinn eu tenho opiniões conflitantes; já achei ele engraçado, depois tive vontade de bater nele depois de ser tão idiota e fazer o Blay sofrer e depois sofri junto com ele nas atrocidades que a família dele fez com ele mas sempre tive em mente que ele e o Blay foram feitos um para o outro - apesar das idiotices dele - os dois se completam em vários níveis e isso é evidente. O Qhuinn só precisa se livrar das neuras dele - algumas completamente compreensíveis - e trabalhar algumas questões na cabeça dele para que eles possam ter um relacionamento saudável. Só que na teoria isso é fácil de falar mas na prática... as coisas são completamente diferentes e as emoções são voláteis e junto com meias verdades, mal-entendidos e traumas do passado tudo pode se tornar mais duro e sofrido do que nunca, antes que eles consigam esclarecer as coisas e resolver tudo.

Eu acho esse livro lindo e maravilhoso o único defeito dele para mim é a quantidade de tramas paralelas que a meu ver estão em excesso e cortam a vibe da história principal; você está lá lendo toda emocionada e concentrada na história dos dois e aí no próximo capítulo vem uma trama secundária - que nada mais é do que uma introdução de personagens novos e preparação pros próximos livros - e que tem pouco - ou completamente nada - a ver com o romance do casal principal, e isso corta completamente a emoção. Não que eu não esteja acostumada com as tramas paralelas nos livros da IAN mas nesse livro elas me pareceram demais e tomarem espaço da principal. Aliás, nos últimos livros da série isso vem aumentando bastante mas esse eu acho que foi o que mais teve até agora. Vamos ver nos próximos. E outra coisa que não gostei também foi de Qhuinn + Layla + Bebê; não acho que tinha necessidade disso para que o Qhuinn pudesse ter um filho, adoção tá aí pra isso. Só vai complicar tudo depois quando a Layla tiver a história dela com o Xcor. Quero ver como a J.R. vai resolver esse abacaxi. Com quem o bebê vai ficar. rsrs Já não gostava da Layla antes e depois dessa... vou sofrer para ler o livro do Xcor com ela. Só digo isso. rs
Mas isso não é realmente um defeito do livro e sim decisão errada da autora, então... acho que o único grande defeito é essa questão das tramas paralelas. No mais, o livro é perfeito, sensacional, incrível e espetacular! Lindo, lindo, lindo! O seguinte livro da saga é o do Wrath (sim de novo!) e tem tudo para ser ótimo. IAN é só amor!

Em breve resenha de O Rei! *-*

Você pode ler as minhas outras resenhas dos livros da J.R. Ward clicando aqui.


Continue lendo...

Dias Melhores Virão - Jennifer Weiner




Sinopse:

Quando Ruth Saunders recebeu o telefonema de uma rede de televisão dizendo que sua série original seria levada ao ar, ela quase não acreditou. Embora tivesse passado a vida escrevendo, não pensava seriamente que seu roteiro (autobiográfico!) sobre uma mulher jovem, com excesso de peso, que vivia com a avó, e que decidira se mudar para Miami para fazer fortuna, pudesse ser realmente interessante para alguém. Tudo o que ela queria era ver sua série entre os comentários do público e das revistas especializadas, mas Ruth foi acordada bem depressa de seu sonho... Atores de cabeça vazia e ego inflado, e burocratas da emissora transformaram seu roteiro para atender a múltiplos interesses... Todo o esquema criado para se colocar uma série no ar é, ironicamente, narrado por Jennifer Weiner, ela mesma uma veterana da TV. As esperanças de Ruth são sistematicamente frustradas: os acionistas da rede insistem em uma revisão sem sentido, sua personagem principal, uma mulher cheia de curvas, passa a ser quase anoréxica, e a avó, Nana, de mulher madura e sofisticada passa a uma ninfomaníaca da terceira idade. Divirta-se com a escrita espirituosa e cativante de Jennifer Weiner e sua deliciosa capacidade de fazer valer, em cada um de seus livros, os sentimentos de todas as mulheres.


Minha Opinião:

Dias Melhores Virão escrito por Jennifer Weiner é um chick lit super divertido que narra, através da protagonista Ruth, um pouco dos bastidores de Hollywood e a luta, competições implacáveis e guerras de ego, além de todo o trabalho que envolve, a produção, criação e execução de programas de TV no meio.

Ruth teve e tem que enfrentar muitos problemas desde que sofreu um acidente quando era pequena em que seus pais morreram e ela ficou com um lado do rosto e do corpo cheio de cicatrizes e enquanto estava no hospital seu consolo e alegria, além da avó, era a televisão e suas séries. Então, ela desenvolveu um grande amor pela TV e esse amor fez com que quando crescesse ela se tornasse uma roteirista, produtora e finalmente criadora do seu próprio programa. Tudo estava indo lindo e maravilhoso; ela tinha um namorado legal, uma avó extraordinária que era sua melhor amiga e grande companheira e o seu programa, que era o sonho da sua vida, foi aprovado e iria em breve ao ar! Só que Ruth logo descobre que essa felicidade não poderia durar; as coisas não são exatamente o que ela esperava, começam a desandar e ela tem que se deparar com problemas que surgem de todos os lados e aprender a lidar com pessoas difíceis se quiser ver seu sonho realizado. E essa jornada complicada pelos meandros da indústria da TV Hollywoodiana talvez seja muito mais dura do que ela poderia achar que estava pronta para enfrentar.

Esse é o segundo livro que eu leio da Jennifer Weiner, o primeiro foi Bom de Cama - que eu li faz vários anos e não resenhei aqui no blog -, e também gostei muito dele. A diferença entre os dois é que Bom de Cama é mais sério e tem uma parte de drama que me tocou um pouco mais, eu me lembro que cheguei a chorar lendo na época, e Dias Melhores Virão é mais leve - apesar da história triste do passado da Ruth - nesse segundo eu ri mais e foi uma leitura mais tranquila. Foi um livro bem relaxante e divertido e um detalhe que me agradou imensamente foi que os dois personagens principais fogem dos padrões de beleza e perfeição em que a maioria dos protagonistas de romances parecem ser concebidos: ela por ser uma mulher com marcas de um acidente e possuir uma beleza e um peso comum - ao contrário das mocinhas que são praticamente modelos que lemos por aí - e ele por ser um homem que usa uma cadeira de rodas. Também adorei a avó da Ruthie, uma fofa e super estilosa! A autora está de parabéns pela iniciativa de fugir do clichê e dos estereótipos e criar personagens comuns, gente como a gente. Excelente! Uma leitura muito gostosa.

Continue lendo...

Fogo - Maya Banks




Sinopse:

Ash, Jace e Gabe: três dos homens mais ricos e poderosos do país. Eles estão acostumados a conseguir tudo o que querem. Absolutamente tudo. O que Ash procura é uma mulher que mude o que ele sabe sobre desejo e dominação. Quando se trata de sexo, Ash McIntyre sempre explorou seu lado mais selvagem – extremo e sem compromisso. Ele exige estar no controle. E prefere mulheres que queiram as coisas desse jeito. Inclusive as que ele dividiu com seu melhor amigo, Jace. Mas Jace está envolvido com uma mulher que não pretende dividir. E até mesmo Gabe está em um relacionamento no qual tem tudo de que precisa, deixando Ash com uma sensação de cansaço e vazio. É então que Ash conhece Josie, uma mulher que aparenta ser imune aos seus encantos e à sua riqueza. Intrigado, ele dá início a uma perseguição implacável, determinado a não deixar que ela seja a primeira a escapar. Ele jamais poderia imaginar que a primeira mulher a lhe dizer “não” seria também a única a levá-lo aos limites do desejo.


Minha Opinião:

Fogo é o terceiro e último livro da trilogia Breathless pela escritora Maya Banks, a série narra como os três amigos Ash, Gabe e Jace encontram cada um a mulher de sua vida e como cada casal enfrenta vários tipos de problemas para poderem enfim serem felizes juntos. Você pode ler a resenha de Obsessão, o primeiro volume, aqui, e de Delírio, o segundo volume, aqui.

Este livro conta a história de Ash e Josie, que se conhecem em um dia casualmente e esse encontro fará com que as suas vidas mudem e eles aprendam o que é o verdadeiro amor e que ele pode vencer até as mais perigosas e traumáticas adversidades.

Ash era o último dos amigos que faltava se apaixonar e ele não conseguia entender várias das atitudes de seus melhores amigos, Jace e Gabe, e como eles poderiam ter ficado tão possessivos de repente e cada um ter caído de cabeça numa relação de forma tão rápida e avassaladora. O lema de sua vida era curtir pra valer sem compromisso, até conhecer Josie e se achar repentinamente na mesma situação que os seus amigos; louco por uma mulher e só querê-la, sem ligar para mais nada.

Ash também enfrenta problemas com sua família cujos membros nunca foram de confiança, pessoas ambiciosas, interesseiras, inescrupulosas, egoístas e etc, e isso além de ferir Ash - mesmo que ele negue - atrapalha sua vida e causa muitos outros problemas e preocupações, por isso que eu achei, durante os outros livros, que ele tinha o potencial de ser o personagem mais complexo, com uma trama mais elaborada, mais aprofundada e na verdade, o que aconteceu não foi tanto isso; a trama teve sim suas dificuldades e a família do Ash realmente não presta, tirando a irmã, mas eu esperava mais conflitos, mais drama, brigas e que a família fosse a vilã da história causando discórdias, mas não foi tão bem assim, não foi tão intenso e emocionante/revoltante quanto eu achei que seria. Os trechos com a família - os pais do Ash na verdade - deixaram um pouco a desejar e achei que faltou mais emoção. Mas também teve outros acontecimentos inesperados com o desfecho de uma trama que tinha começado no primeiro livro e que foi uma surpresa porque eu achava que já tinha sido solucionada mas que analisando agora posso ver que realmente tinha ficado no ar, e agora teve realmente seu ponto final. Então, a surpresa desses novos acontecimentos perto da reta final do livro compensou a tal falta de emoção e tornou as coisas agitadas quando eu já achava que não tinha mais nada para acontecer, algo que é uma das características dessa série, além dos finais felizes fofos e divertidos que também sempre ocorrem; quando está quase tudo se resolvendo acontece algo que mexe com a trama e dá um novo gás e novas emoções na reta final. Maya sempre surpreendendo e tornando a leitura interessante mesmo que você não curta particularmente o tema majoritariamente abordado em tal livro.

Tenho uma opinião parecida desse livro com os outros dois mas achei esse um pouquinho mais leve na parte de BDSM, o que pra mim é lucro rs, mas Ash é tão intenso quanto os outros, apesar de seu jeito relaxado e brincalhão dos outros livros nesse ele mostra que isso é só uma máscara e que ele não perde para o Gabe e para o Jace em matéria de intensidade e força.

Terminei a trilogia com essa conclusão: é uma série hot com várias surpresas durante seu transcorrer e com dramas e personagens com várias facetas como a Maya Banks sempre tão competentemente cria e mesmo que você não goste das temáticas de BDSM e de Ménage, como é o meu caso, consegue passar por cima disso e achar algo de interessante na história ou pelo menos ficar curiosa o suficiente para querer saber como termina, e isso, a meu ver, já torna a trama boa, não ótima nem excelente mas boa. É uma boa opção para quem gosta de livros eróticos e principalmente de mocinhos possessivos e dos temas.

Continue lendo...

Novidade: Hotsite de Segredos da Quinta Avenida no ar


A Harlequin Brasil está sempre trazendo novidades especiais para as leitoras de romances e a bola da vez é o novo hotsite criado especialmente para a trilogia Segredos da Quinta Avenida! Lá o leitor encontrará o booktrailer, muitas outras informações sobre os livros, entrevistas com os casais protagonistas e as autoras de cada livro e ainda poderá baixar de graça o ebook do prequel (a edição 0) da série!!! *-*

Então o que está esperando?! Corre!

Para acessar o site você pode clicar no banner que eu criei abaixo:

http://www.harlequinbooks.com.br/segredosdaquintaavenida/


Continue lendo...

Boletim Harlequin #35: Lançamentos de Novembro


O mês de Novembro já está rolando e os lançamentos da Harlequin Brasil já estão à venda! \o/

Confira alguns dos destaques mais especiais:


Sombra da Lua - Série Noturna 02/06 - Nora Roberts

Sinopse:

Numa cidade dominada pelo medo, uma figura solitária vaga pela noite. Um homem determinado a livrar a metrópole do pesadelo do crime. Nem balas, nem formalidades legais poderiam impedir Nemesis de cumprir sua missão. Ele está presente em todos os lugares… e em nenhum. Ao salvar Deborah de uma emboscada na escuridão, ele passou a conhecer a dor do desejo. Mas os métodos pouco ortodoxos de Nemesis não a agradam, embora esse estranho justiceiro provoque nela um desejo obscuro…



Tramas da Sorte - Série Noturna 03/06 - Nora Roberts

Sinopse:

No momento em que seu olhar cruzou com o de Colt, Althea soube que havia encontrado problema. Mas a tenente se orgulhava de ser capaz de manter o controle e trabalhar com foco na investigação. Quando Colt aceita investigar o desaparecimento da filha de um amigo, ele abre uma exceção e decide pedir auxílio à polícia. Mesmo com toda pressão, será que Colt e Althea conseguirão viver essa intensa paixão apesar das tramas da sorte?



Quero que Você me Use - Segredos da Quinta Avenida 02/03 - Caitlin Crews

Sinopse:

Hunter Talbot Grant III, celebridade esportiva de reputação duvidosa e podre de rico, credita que os escândalos que cultiva podem esconder as sombras de seu passado. Quando surge a oportunidade de arruinar financeiramente o império de Jason Treffen, ele não pensa duas vezes. Mas antes deverá se livrar da mulher enviada para controlar seus passos. A relações-públicas Zoe Brook sempre consegue devolver a luz para estrelas que perderam o brilho. E Hunter não é exceção.



E Ela Acordou Casada... - Waking Up 01/02 - (Rainhas do Romance 95) - Mira Lyn Kelly

Sinopse:

Na manhã seguinte à despedida de solteira de sua prima, Megan acorda coma pior ressaca do mundo. E não é só isso! Além de estar em uma cobertura desconhecida, ao seu lado há um lindo, sensual e arrogante… marido? Até agora, arrumar um namorado havia sido praticamente impossível para ela. Ainda que tentasse, conquistava apenas um coração partido. Mas depois de alguns martínis com Carter – não, Connor Reed! – ela estava casada…



Casual - Secret Lives Of Daytime Divas 02/03 - (Flor da Pele 17) - Sarah Mayberry

Sinopse:

Milhões de mulheres babam pelo astro das telinhas Mac Harrison. E a roteirista Grace não é diferente. O delicioso ator tem papel principal em suas mais loucas fantasias. Quando eles são obrigados a trabalhar juntos em um projeto, seus desejos mais secretos e eróticos são satisfeitos. Um caso digno de nota. E nada mais. Pena que Mac não concorda. Ele quer evoluir de sexo casual para um relacionamento sério. E sabe exatamente como ser persuasivo…





Os Segredos dos Olhos de Lady Clare - The Knights of Champagne 02/03 - (Harlequin Históricos 150) - Carol Townend

Sinopse:

Quando sir Arthur Ferrer a vê entre os espectadores do Torneio da Noite de Reis, percebe algo de distinto nela. Talvez seus olhos… Ele já os vira, não se lembrava de quando nem onde. Ao procurar a mulher misteriosa que o havia hipnotizado, ela desaparece. Clare fugia de um passado sombrio que jamais revelaria a ninguém. Mas o belo cavaleiro se empenharia em descobrir os segredos guardados em seu olhar…

Continue lendo...