Charlotte Street - Danny Wallace




Sinopse:

Tudo começa com uma garota... (porque sim, sempre há uma garota...) Jason Priestley acabou de vê-la. Eles partilharam de um momento incrível e rápido de profunda possibilidade, em algum lugar da Charlotte Street. E então, em um piscar de olhos, ela partiu deixando-o, acidentalmente, segurando sua câmera descartável, com o filme de fotos completo... E agora Jason — ex-professor, ex-namorado, escritor e herói relutante — se depara com um dilema. Deveria tentar seguir A Garota? E se ela for A garota? Mas aquilo significaria utilizar suas únicas pistas, que estão ainda intocáveis em seu poder... É engraçado como as coisas algumas situações se desenrolam...


Minha Opinião:

Charlotte Street é um daqueles livros que você lê e não sabe o que pensar ao certo, se gostou ou não, e só chega a uma conclusão direito depois que passa um certo tempo "amadurecendo" as ideias e colocando na "balança" os prós e os contras do livro e vendo qual "pesa" mais (rs).

Depois de muito matutar sobre esse livro cheguei a conclusão de que ele me agradou parcialmente, (vulgo mais ou menos rs), pois tem partes nele que me divertiram bastante e os personagens (principalmente o amigo do Jason, que é coadjuvante) me fizerem ter vontade de continuar a leitura até o fim - ah, claro! E a curiosidade se ele iria encontrar a tal garota ou não e o que aconteceria se eles se encontrassem, qual seria a reação dela - principalmente no começo do livro.
Por outro lado, as partes em que o Jason ficava fazendo "monólogos" sobre a vida dele para mim foram bem entediantes e não gostei da espécie de mudança de gênero que acontece durante o livro; ele começa como um livro divertido, acho que podemos considerar comédia, algo meio Chick Lit só que um Chick Lit masculino, digamos assim, e depois muda para drama; e tenho que confessar que essa mudança no ritmo e estilo da narrativa me deixou bem confusa, e acho que isso é em grande parte o que me deixou tão perdida, sem saber o que pensar acerca desse livro, nada é o que parece nessa história, o Jason esconde muitos segredos e melancolias e tentar entendê-lo é realmente um grande exercício.

Outra coisa que é preciso dizer é que Charlotte Street parece, pela sinopse e pela capa, uma comédia romântica ou um romance, um livro sobre amor, mas não é. Tem romance sim, mas não é o foco principal do livro, eu diria até que o romance é algo que fica meio "apagado", em segundo plano, como uma subtrama coadjuvante, (usando um tipo de pleonasmo) - apesar de envolver o protagonista -; o livro fala principalmente sobre amizade, autodescoberta e como se reinventar, como sair do comodismo e lutar pelos seus sonhos e mudar sua vida.

Eu achei que o livro poderia ter sido melhor desenvolvido, principalmente o final que foi na forma de uma espécie quase de epílogo, se podemos chamar assim, mas de qualquer forma eu acho melhor encarar o livro como um pseudo-drama com toques de humor e romance e um guia para as diversas paisagens da Inglaterra que são mostradas ao longo da história, algo que ensina bastante para quem nunca, como eu, foi a esses lugares.
Por esses motivos, acho que vale dar uma chance.

Obs.: O livro vai virar filme, confesso que estou curiosa pra assistir e ver como vai ficar. rsrs

4 comentários:

  1. Não sabia que teria filme do livro, agora estou ainda mais ansiosa para ler *-*
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Rafa! :)

    Já li o livro e fiquei com uma dúvida parecida se eu gostei ou não. O livro é meio "parado"...
    Concordo de que o amor tenha ficado em segundo plano, o livro fala mais sobre esperança, amizade e de pequenos momentos que são únicos e nem percebemos. Gostei bastante desse ponto e é um dos poucos pontos positivos do livros.
    O final foi bem legal mostrando o anúncio do relacionamento deles no jornal como ele lia.
    Espero que o filme fique bom!! :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi
    ja li o livro e fiquei meio assim tbem. Imaginava mais como um Chick Lit, mas oque aconteceu mesmo foi o amadurecimento do Jason.
    Acho que seria melhor se tivesse ficado mais como no inicio, um pouco mais engraçado, mas resisti e li ate o final.. acabei gostanto, mas poderia ter sido melhor!

    bjos

    ResponderExcluir
  4. Sou fascinada pela capa desse livro. Já faz um bom tempo que quero ler e ainda não pude realizar esse meu desejo. Também vou querer assistir ao filme.

    ResponderExcluir

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela