Um amor para recordar - Nicholas Sparks



Sinopse:

Cada mês de Abril, quando o vento sopra do mar e se mistura com o perfume de violetas, Landon Carter recorda seu último ano na High Beaufort. Isso era 1958, e Landon já tinha namorado uma ou duas meninas. Ele sempre jurou que já tinha se apaixonado antes. Certamente a última pessoa na cidade que pensava em se apaixonar era Jamie Sullivan, a filha do pastor da Igreja Batista da cidade. A menina quieta que carregava sempre uma Bíblia com seus materiais escolares. Jamie parecia contente em viver num mundo diferente dos outros adolescentes. Ela cuidava de seu pai viúvo, salvava os animais machucados, e auxiliava o orfanato local. Nenhum menino havia a convidado para sair. Nem Landon havia sonhado com isso. Em seguida, uma reviravolta do destino fez de Jamie sua parceira para o baile, e a vida de Landon Carter nunca mais foi a mesma.

Minha Opinião:

Como já escrevi aqui na minha resenha sobre o filme Noites de Tormenta, baseado no livro de mesmo nome, Nicholas Sparks é sinônimo de lindas histórias de amor emocionantíssimas, que fazem suspirar, chorar e passam bonitas mensagens.

Um amor para recordar é mais uma prova dessa fórmula de sucesso para livros que rendem milhões de exemplares vendidos em todo o mundo e conquistam legiões de fãs.
Esse livro é fenômenalmente lindo, em minha opinião. O filme já tinha me emocionado muitíssimo quando o assisti, (tenho até uma histórinha sobre como eu cheguei a assistir, qualquer dia eu conto aqui numa resenha sobre o filme), mas o livro é muito mais emocionalmente intenso.

Em Um amor para recordar, Nicholas Sparks trata, através dos personagens principais Landon Carter e Jamie Sullivan, além de amor, de esperança, superação e fé. Principalmente fé. Não apenas fé religiosa, como também a fé no sentido total da palavra, fé no próximo, no mundo, na vida. Acreditar em milagres, no que é aparentemente impossível, acreditar nos seus sonhos, acreditar na bondade que muitas vezes está escondida dentro das pessoas e acreditar no potencial das pessoas.
Através da Jamie (e porque não dizer do Landon), o autor nos faz refletir em meio a sentimentos muito bonitos.
É um livro maravilhoso, com uma lição de vida muito especial. Como o Landon 'diz' no prólogo ri e chorei, e acrescentaria me encantei com essa história comovente que com toda certeza ficará gravada na minha memória para sempre.

Recomendo o livro e o filme, (como eu fiz o contrário), indico que leiam o livro primeiro e assistam o filme depois, porque pode ser que fiquem com a imagem associada aos personagens do livro, e como acontece em praticamente todos os filmes inspirados em livros, claro, existem diferenças entre os dois. Os dois são bonitos e emocionantes mas (como na maioria dos casos), o livro é bem melhor.
Leitura perfeita.

Você pode ler as outras resenhas que fiz dos livros de Nicholas Sparks clicando aqui.

3 comentários:

  1. Eu já assisti ao filme e depois dele eu corro dos livros do Nicholas, ele tem mania de morte, eu quase eu assisti ao filme Querido John, pois pensei que ele matar alguém, mas quando assisti, achei o enredo tão fraquinho, mas meu santo não bate com o dele..rs
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. AMO!!! Tanto o livro quanto o filme. Aiai, muito linda essa história *.*

    ResponderExcluir
  3. Já estou com ele aqui na minha estante me aguardando! huieauhe! Sou apaixonada pela história desse casal *.*
    Ótima resenha!

    bjs
    www.booksemporium.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela