Uma Curva no Tempo - Dani Atkins




Sinopse:

A noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?

A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?


Minha Opinião:

Uma Curva no Tempo é o primeiro livro da autora Dani Atkins e, narrado em primeira pessoa pela Rachel, a protagonista, conta a jornada da personagem em busca de respostas para as perguntas vitais que se acumulam ao ela descobrir que tudo o que pensava que era real pode não ser verdade. E, além disso, essa procura pela verdade pode se mostrar algo muito mais complexo e assustador do que ela ou qualquer um poderia jamais pensar.

Acho que não tem uma palavra melhor para descrever esse livro do que: surpreendente.
Eu me peguei devorando-o porque a leitura é bem dinâmica e tem um ritmo rápido que não tem momentos de tédio ou narrativa estacionada, digamos assim, e fiquei o tempo todo querendo saber o que iria acontecer e a cada página mais questões apareciam para me deixar no suspense, confusa e ansiosa para que elas fossem esclarecidas. Os desdobramentos da trama a medida que se desenrolavam me deixavam cada vez mais intrigada e o final, a revelação do que realmente houve com a Rachel me deixou, tipo:"WTF?!"
Talvez a palavra chocante seja um pouco pesada pois, no final das contas, não foi totalmente inesperado, mas que eu fiquei surpresa e sem saber direito o que pensar ou a que conclusão chegar de forma geral sobre o livro como um todo, eu fiquei. Tive que passar algumas horas matutando sobre o assunto para chegar a um tipo de consenso comigo mesma e para que o estupor do espanto e da confusão passasse. E isso por si só já traz um grande mérito ao livro, a meu ver. Significa que a escritora realmente me pegou de guarda baixa e provocou em mim conflitos suficientes para que eu ficasse nesse estado e se a história não tivesse me tocado de alguma maneira isso não aconteceria.

Também é um livro cheio de mudanças de tempo/espaço e flashbacks e isso torna a narrativa um pouco complicada se você não prestar a atenção e também triste e um tanto quanto soturna, no sentido de melancólica mesmo, por isso é bom ter em mente isso antes de iniciar a leitura para que se você não gostar desse tipo de drama você não ter surpresas desagradáveis. Eu mesma confesso que ele não foi o que eu esperava (esperava uma história de amor que superasse o tempo e tudo, e se você olhar por um certo ângulo até que foi, mas eu tinha a expectativa de uma trama mais feliz e não esse clima sombrio e ela perdeu pontos comigo por isso e pela parte final) mas ainda assim achei muito bem escrito, me cativou durante a leitura e achei as reviravoltas geniais. E só por isso eu já acho que vale a leitura. Livro bom, não uma excelente história nem um plot excepcional, mas um bom livro e bastante emocionante e impactante.

Um comentário:

  1. oi flor, realmente é um livro primoroso com um ótimo enredo para adaptação cinematográfica! me surpreendi com a escrita de Atkins
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela