Cativa - Penny Jordan



Sinopse:

Felicia sabia que haveria obstáculos a superar quando concordou em ir sozinha ao Kuwait visitar os parentes de seu noivo, Faisal. Ela era uma garota inglesa comum, enquanto ele era um árabe de uma família imensamente rica. Mas havia um problema em particular para o qual Felicia não estava preparada: o tio de Faisal, o sheik Raschid Al Hamid al Sabah. Não era apenas a errônea convicção de Raschid de que ela era uma inescrupulosa caçadora de fortunas que a alarmava. Era também a lenta e relutante percepção de que podia ter se comprometido com o homem errado...

Minha Opinião:

Você se lembra que na minha outra resenha sobre um livro de sheik, eu comentei que ia postar aqui uma sobre um livro que eu gostei?
Então, tá aí:

Esse livro é fenômenal! E olhe que eu não sou lá muito fã de livros sobre sheiks não.
Mas Penny Jordan é Penny Jordan e dispensa maiores apresentações, até agora foi uma das poucas (pouquíssimas) autoras que conseguiram me cativar (com o perdão do trocadilho bobo, mas é isso mesmo), contando uma história de amor com essa temática e me fez devorar o livro (!), não dava vontade nem de piscar rs.

Cativa é um romance cheio de acontecimentos, a leitura foi super rápida pra mim.
A protagonista Felicia é do tipo de mocinha que eu gosto de ler, pode até sofrer e chorar, mas não passa o livro todo fazendo isso, nem se lamentando pelos cantos. Ela enfrenta as adversidades, sofre, mas segue em frente.
O Rashid (nosso mocinho sheik TdB) muitas vezes aparenta ser um ogro com a Felicia, mas só por causa do que ele acreditava que ela fosse, não por teimosia, egoísmo ou machismo como muitos outros personagens de outros livros fazem. Ele tinha motivos que pareciam certos para ele, principalmente porque ele conhece o irmão que tem, mas quando ele descobre a verdade sua redenção é linda.

Achei que o mais maravilhoso nesse livro é o simples fato de que o romance propriamente dito só começa no final, geralmente me desagrada histórias assim, mas o fim é tão bom que compensa isso, e eu não imagino a história de outra maneira.
Me lembra um pouco Orgulho e Preconceito nesse sentido.
Perfeito esse livro!
Amei!
Bjs

Um comentário:

  1. Livros com sheiks e romance árabes são estimulantes... uauuuuuu...
    Adorei a resenha e vou logo atrás para ver se ainda encontro.
    cheirinhos
    Ruddy

    ResponderExcluir

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela