Memórias de uma Gueixa - Arthur Golden




Sinopse:

Olhos cinza-azulados. Muita água em sua personalidade, é o que diz a tradição japonesa. A água que sempre encontra fendas onde se infiltrar, cujo destino não pode ser detido. Assim é Sayuri, uma das gueixas mais famosas de Gion, o principal distrito dessa arte milenar em Kioto. Com um olhar, ela é capaz de seduzir. Com uma dança, ela deixa os homens a seus pés. O que ninguém sabe é que, por trás da gueixa de sucesso, há um passado de perdas e desilusões de uma mulher que, desde o dia em que o pai a vendeu como escrava, fez cada uma de suas escolhas motivada pelo amor ao único homem que lhe estendeu a mão. Neste livro acompanhamos sua transformação enquanto ela deixa para trás a infância no vilarejo pobre e aprende a rigorosa arte de ser uma gueixa: dança e música, quimonos e maquiagens; como servir o chá de modo a revelar apenas um vislumbre da parte interna do pulso; como sobreviver num mundo onde o que conta são as aparências, onde a virgindade de uma menina é leiloada, onde o amor é considerado uma ilusão. Já idosa, vivendo nos Estados Unidos, ela narra suas memórias com a sabedoria de quem teve uma vida longa e o lirismo de quem soube encontrar nela seu lado mais doce. Neste relato único, que reúne romance, erotismo e, muitas vezes, a dura realidade, Arthur Golden desenvolve uma escrita refinada e dá voz a uma personagem instigante e humana que conquistou milhões de leitores em todo o mundo.


Minha Opinião:

Memórias de uma Gueixa do autor Arthur Golden é - pelo menos para mim e acredito que para muitas outras pessoas - basicamente considerado um clássico dos romances modernos, que ganhou até um filme de mesmo nome (que é lindíssimo por sinal), e cuja pesquisa maravilhosamente aprofundada, cria um romance que é narrado pela própria personagem principal, como se ela realmente existisse/tivesse existido no mundo real, ferramenta essa que faz o leitor mergulhar completamente de cabeça na narrativa.

Chiyo ou melhor, Sayuri, nome que ela ganha quando vira gueixa, é a protagonista dessa história e conta sua vida quando criança na sua terra natal antes de ser arrancada abruptamente de lá e ir parar no distrito de Gion, em Kioto, vendida como potencial aprendiz de gueixa, e a rotina e obstáculos que ela enfrenta durante seu treinamento e vida como gueixa lá, além de suas amizades, inimigas e amores.

O livro é excelente; recheado de amostras de costumes e tradições das gueixas da época, muita história japonesa entremeada na trama e tudo isso embrulhado num enredo bem realista, detalhado e super bem contado. Eu fiquei encantada com todos os detalhes e minúcias e a ampla "aula" de hábitos e curiosidades sobre uma gueixa e sobre a vida no Japão e no mundo em geral nos tempos antes, durante e depois da Segunda Guerra Mundial. É uma obra fascinante para quem ama História oriental e como um todo, compensa muito lê-la, você aprende muito. Já entrou para a minha categoria de livros bem aproveitados e dos quais lembrarei em um bom tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela