Uma chance para recomeçar - Lisa Kleypas




Sinopse:

Victoria morreu em um trágico acidente, deixando sua filha Holly sob a responsabilidade do seu irmão, o solteiro convicto Mark. O tio Mark não se sentia muito preparado para cuidar da menina, mas assumiu o compromisso de devolver o sorriso aos seus lábios. No entanto, ele desconfia de que não esteja fazendo um bom trabalho, uma vez que Holly nunca mais falou desde que ficou órfã. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo que pode ser a chave da felicidade de Holly: ela só quer ter uma mãe.

Maggie perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e não quer jamais - passar por tudo isso de novo. Por isso, ela fechou seu coração e prometeu a si mesma dedicar-se somente a sua nova loja de brinquedos em Friday Harbor, que permite às crianças viajar um pouco nas asas da imaginação. A amizade entre Maggie e Holly (que até passou a acreditar em fadas!) ao mesmo tempo comove e preocupa o tio Mark. Ele tem certeza de que a nova amiga fará bem a sua sobrinha, mas precisa decidir se a deixará entrar em sua própria vida...
Nós também torcemos, do fundo do coração, para que Holly tenha uma linda noite de Natal.


Minha Opinião:

Uma chance para recomeçar é o primeiro livro da série Friday Harbor; essa série possui quatro livros até agora (tem uma informação na internet de um possível quinto livro, mas, aparentemente, a própria autora disse que não tem nada escrito, que está se dedicando nesse momento a outros livros e que pode ser que tenha esse livro no futuro ou não). Os outros livros da série (2, 3, 4 e possível 5) não possuem tramas festivas/natalinas, aparentemente, só esse primeiro - pelo menos do que eu entendi lendo as sinopses. Seria legal se a Novo Conceito publicasse os outros volumes da série, né? É horrível ficar com uma série incompleta. Vamos torcer para que eles publiquem!

Esse primeiro livro da série conta, em clima de festas, a história da menina Holly que deseja mais que tudo para o Natal ter uma mãe novamente desde que perdeu a sua em um trágico acidente de carro e foi morar com os seus tios Mark e Sam numa propriedade em Friday Harbor. Holly perdeu a fala desde que recebeu a notícia da morte da mãe e o Mark já fez de tudo desde que ele e a menina foram morar com Sam e nada do trauma melhorar mas quando Holly conhece Maggie, a dona da nova loja de brinquedos da cidade, parece que as coisas irão começar a mudar e não só para Holly mas também para as vidas de Mark e Maggie de um jeito que nenhum deles esperava. Enfrentando seus medos, suas dores e desesperanças e superando-os, um milagre de Natal pode acontecer.

Que livro fofo! Curtinho mas um romance bem escrito e com personagens bem reais e todas as pontas bem amarradinhas. Esse é o primeiro livro que leio da Lisa Kleypas e já tinha lido vários elogios sobre sua carreira - ela é bem conhecida por seus romances históricos - e tenho que concordar com vários deles, apesar de nunca ter lido nada histórico dela; você percebe os sentimentos fortes que unem os personagens, o romance é palpável, os protagonistas têm dilemas legítimos e os trechos entre Mark e Holly e Sam são lindos, principalmente os dela com o Mark que é o mocinho e por isso tem mais destaque. Um livro que tem drama, humor, família, amor e amizade em doses certas e traz a magia de alguns dos feriados mais encantadores, fechando com chave de ouro com a mágica do Natal. Uma gracinha de livro, perfeito para ser lido nessa época natalina!

Um comentário:

  1. Estava procurando umas resenhas sobre o livro e vi que a maioria, assim como a sua, tem opiniões favoráveis ^^
    Vou confessar que não gosto muito de livros com estereótipos no estilo mocinho solteiro convicto...é um pouco cansativo e estressante, já li livros assim e ver esses tipos que quando encontram a mulher certa fica de c* doce é phoda! E aqui o Mark faz esse estilo, né? u_u
    Mas adooro quando tem crianças envolvidas na história e temáticas natalinas n_n
    Pela sua resenha, acho que vou comprar o livro ;-)

    @Drick_Ferreira

    ResponderExcluir

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela