As Gêmeas - Saskia Sarginson




Sinopse:

As gêmeas Isolte e Viola eram inseparáveis na infância, mas se tornaram mulheres muito diferentes: Isolte tem um emprego glamouroso em uma revista de moda de Londres, namora um fotógrafo e vive em um bairro descolado. Viola, desesperadamente infeliz, luta contra um transtorno alimentar e não faz questão de se ajustar a nenhum grupo. O que pode ter acontecido para levar as gêmeas a seguirem trajetórias tão desencontradas? À medida que as duas jovens começam a reviver os eventos do último verão em família, terríveis segredos do passado vêm à tona – e ameaçam invadir suas vidas adultas.


Minha Opinião:

As Gêmeas é o romance de estreia da escritora Saskia Sarginson e conta, aos poucos e permeado de mistérios do passado, como a relação entre Isolte e Viola se desgastou ao ponto de elas, que eram tão unidas e encaravam a vida de forma tão igual, mudarem tanto seus jeitos de pensar que se tornaram completas estranhas uma para a outra. Será que erros do passado podem ser esquecidos e perdoados ou são marcas tão profundas que não tem como superar e seguir em frente? E será que a relação delas ainda tem salvação?

É realmente impressionante como a autora consegue destacar as mudanças nelas ilustrando como elas se tornaram diferentes ao ponto de não se entenderem mais; Isolte se tornou independente, segura (mais do que já era), feminina, cosmopolita, moderna e urbana, e tenta enterrar as tristezas do passado no subconsciente a qualquer custo. Já a Viola permaneceu "presa" a esse passado e essas lembranças que ela não enxerga como tristes (pelo menos a maioria, não), muito pelo contrário, ela se sente reconfortada e consolada por elas e sonha constantemente, acordada ou dormindo, com essas memórias da infância delas e anseia por voltar àqueles tempos em que viviam tão inocentes, despreocupada e livremente. Enquanto Isolte vive, apesar dos problemas, a vida que quer, Viola se autodestrói e renega viver uma vida igual a da irmã se afundando cada dia mais na depressão e no transtorno alimentar que possui usando-o como uma maneira de se autoafirmar e de se punir pelo que ela acredita ser culpa sua. Essas diferenças gritantes entre elas geram problemas graves na relação das duas que ao não se entenderem criam problemas de diálogo; elas basicamente se calam para evitar brigas e a situação acaba pior.

Eu li esse livro esperando outra coisa, não sei, talvez um drama de chorar rios com o conflito familiar e um segredo indignante e chocantemente obscuro envolvendo a própria família, o que na realidade não deixa de acontecer no livro mas, sei lá, criou-se muita expectativa para a revelação de tal segredo e no final das contas eu não achei tãããão chocante assim, já li coisas piores (nossa que comentário mais cínico! Mas é verdade). Mas não cheguei a me frustrar com isso porque o livro compensa em outros aspectos; a história é muito bem ambientada, a narração se divide entre terceira pessoa (a parte do ponto de vista da Isolte) e em primeira (a parte do ponto de vista da Viola) e as protagonistas e suas dicotomias são interessantes, principalmente a Viola que eu considero mais interessante do que a Isolte justamente por ser escrita de forma tão lírica, tendo um jeito tão peculiar de enxergar as coisas da vida, além de ser o eixo central do drama; Viola pode ser doente mas não vive em negação como a irmã, ela é a mais verdadeira das duas, não usa máscaras sociais e nem se esconde atrás de uma fachada civilizada buscando se adequar e agradar os outros como a Isolte faz. Viola é bem mais complexa do que a sua gêmea, e essa sua complexidade é o que move a trama e instiga o leitor a querer continuar a tentar entender essa personagem e desvendar os seus mistérios e motivações.

As gêmeas é um bom livro, desses que te fazem pensar sobre as várias facetas das relações humanas e querer saber como será o final. Saskia criou uma história realmente intrigante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela