O Milagre - Nicholas Sparks




Sinopse:

Jeremy Marsh é um jornalista cético que dedica a vida a investigar e desmentir fenômenos sobrenaturais. Ele está no auge do sucesso, prestes a ir trabalhar na TV, quando recebe uma carta curiosa.
Nela, uma senhora relata a ocorrência de luzes estranhas e fantasmagóricas no cemitério de Boone Creek, uma pequena cidade na Carolina do Norte. Farejando uma boa história, Jeremy sai de Nova York e vai passar uma semana lá.
Quando começa suas investigações, ele conhece a obstinada Lexie Darnell. Responsável pela biblioteca local, ela está determinada a proteger as pessoas e a cidade que tanto ama - e nem um pouco disposta a confiar no forasteiro. Depois de sofrer pelo término de dois relacionamentos, ela tem duas certezas: a primeira é de que seu lugar é em Boone Creek, e a segunda é de que não se pode acreditar num homem tão sedutor quanto Jeremy.
O que ela não imagina é que o jornalista também tem suas feridas. Ele nunca conseguiu superar completamente a dor de seu casamento desfeito e a frustração de saber que jamais poderá ser pai.
Enquanto tenta descobrir a verdade por trás das luzes do cemitério, Jeremy tem que desvendar também os próprios sentimentos e se vê diante de escolhas muito difíceis, entre elas a de voltar para a vida que conhece em Nova York ou fazer algo completamente novo: acreditar.
O milagre é um romance que explora os maiores mistérios de todos: os do coração.


Minha Opinião:

O Milagre, mais um romance do autor Nicholas Sparks, é o primeiro livro da duologia Jeremy Marsh e Lexie Darnell - o segundo é À Primeira Vista -, que narra como o casal de protagonistas se conhece através da ida do Jeremy para a cidadezinha da Lexie para investigar a suposta veracidade de um pseudo-fenômeno sobrenatural para sua coluna num jornal que desvenda a verdade por traz desses fenômenos usando explicações científicas ou revelando fraudes, e que com sua chegada agita a cidade e mexe com o coração da Lexie. Mas como a Lexie pode se permitir amar o Jeremy se sabe que a passagem dele na cidade é temporária e que um envolvimento entre eles não poderia ter futuro? E como explicar isso para o seu próprio coração? E Jeremy, como pode acreditar em algo depois de uma vida de ceticismo principalmente na força do amor já que ele experimentou isso no passado e sofreu?

Achei o livro bem bonito e uma leitura bem tranquila (sim, tio Nick têm livros com tramas sossegadas e com finais felizes também ao contrário da crença da popular! rsrs) e isso me agradou imensamente porque é revigorante ler livros relaxantes assim de vez em quando, especialmente depois de leituras mais tensas. Eu senti que os conflitos nele são mais comuns e isso, em um certo aspecto, torna a história mais palpável, como se você estivesse vendo os acontecimentos se desenrolarem com alguém que você conhece, como um amigo ou um vizinho.

Lexie e Jeremy são um casal que se dá super bem e tem um entrosamento ótimo entre eles e com os outros personagens. O relacionamento deles progride de forma lenta mas constante e a afinidade e a sintonia entre eles vai crescendo de uma maneira estável e muito bonita e esse desenvolvimento a passo a passo, ao contrário do que poderia se pensar a princípio, não é nem um pouco enfadonho porque além ser abordado pelo autor de forma romântica, o livro tem umas pitadinhas de humor deliciosas que ajudam a relaxar a trama mais ainda.
Foi uma leitura refrescante e os personagens me conquistaram. Agora fiquei querendo ler a continuação do dueto e saber como a história desse casal evolui e termina definitivamente, fiquei realmente curiosa para saber mais sobre eles. O Nicholas conseguiu seu objetivo porque eu gostei bastante do romance e de seus personagens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe seu comentário que irei adorar ler!

Não são permitidos spams ou comentários ofensivos de qualquer tipo, os últimos serão excluídos sem hesitação. Respeito todo mundo gosta, né? :)

No mais ficarei feliz em (assim que possível) responder qualquer dúvida aqui nos comentários.

Bjs,
Rafaela