Sangue na neve - Lisa Gardner




Sinopse:

A policial Tessa Leoni matou seu marido, Brian Darby, em legítima defesa. A arma do crime está à vista de todos e os hematomas no corpo de Tessa confirmam a ocorrência. A policial também não fez questão de fugir, ou de arrumar qualquer justificativa para explicar aquele corpo estendido no chão da cozinha, portanto, aparentemente, o que a investigadora D.D.Warren tem à sua frente é o desfecho de uma briga doméstica. Um caso simples. No entanto, ao abrir o inquérito, D. D. terá uma surpresa: este não é o primeiro homicídio de Tessa Leoni e — afinal — onde está a filhinha de seis anos da policial? Será que a policial Leoni realmente atirou em seu marido para matá-lo? Uma mãe seria capaz de prejudicar intencionalmente sua filha? D. D. Warren, a experiente detetive que acredita que desvendar um caso é como mergulhar na vida do criminoso, enfrentará mais uma investigação que a levará a uma busca frenética por uma criança desaparecida enquanto tenta encaixar as peças de um mistério familiar que a levará a quebrar os muros do corporativismo policial.


Minha Opinião:

Mais uma vez Lisa Gardner arrebenta!!!

Sangue na Neve é o quinto livro da série da Detetive D.D. Warren e o segundo que eu leio da autora, o outro foi Viva para Contar que eu já resenhei aqui e é o quarto livro da série (a Editora Novo Conceito está publicando a série fora de ordem).

Dessa vez a Detetive D.D. Warren tem que tentar resolver um caso que aparentemente é de simples solução; uma colega, a policial Tessa Leoni, matou o marido durante uma briga em legítima defesa. Só que apesar da "cooperação" de Tessa e das provas óbvias, as peças do quebra-cabeças não se encaixam, a história parece forçada, e à medida que novas pistas e informações vão surgindo fica claro para D.D. que há muito mais por trás dessa história e que nem tudo é o que parece ser e enquanto ela e sua equipe investigam o assassinato, eles têm que correr contra o tempo para tentar encontrar a filha de Tessa, uma menininha de seis anos que está desaparecida, antes que seja tarde demais.

Nossa, esse livro é incrível! Eu já tinha lido muitos elogios sobre ele e tenho que concordar: esse livro é realmente sensacional.
Lisa Gardner já tinha entrado para minha lista de autores preferidos só com a leitura de Viva para contar e Sangue na neve só veio para reafirmar esse lugar na lista rs.
Tá certo que gostei muito mais de Viva para contar que é simplesmente genial e tem um clima mais sombrio que me agrada mais, mas esse livro (Sangue na neve) não fica atrás em matéria de reviravoltas, acho que é um livro com mais ação e menos atmosfera sombria e drama, os ritmos dos dois são diferentes, mas mesmo assim ele não deixa nada a desejar como thriller, todas as perguntas são respondidas e não fica nenhuma ponta solta.

D.D. como sempre durona (adoro ela *-*), mas dessa vez ela tem que lidar, além do caso, com uma mudança grande na sua vida pessoal, algo que vai mudar sua vida e prioridades para sempre e com certeza vai se refletir na sua visão do caso, e, de certa forma, é bem divertido ver a conduta dela ficar confusa (porque ela é sempre tão centrada e racional), quando tiveram trechos referentes a isso, eu ri rs.

As doses de ação, partes divertidas para aliviar o clima, drama, suspense psicológico e thriller policial estão também muito bem distribuídas durante a narrativa, que é outra coisa que me faz admirar muito o jeito de escrever da Lisa, além disso, ela continua criando lindamente personagens polêmicos que me fazem detestá-los até que se provem inocentes (ou não, rs) e que não entregam o jogo até o final, e ela também faz grandes pesquisas sobre as áreas policiais que tratará nos livros (eu ri lendo os agradecimentos de SnN, ela tem um ótimo senso de humor). Enfim, essa autora definitivamente ganhou meu coração com tanta dedicação e talento, rs. ^^
Lisa Genial, espero poder ter o grande prazer de ler logo outro livro dela!

Continue lendo...

Promoção - Só tenho olhos para você




PROMOÇÃO ENCERRADA!!!

Promoção!!!

Em parceria com a Editora Novo Conceito , o Canto de Meninas vai sortear um kit do livro Só Tenho Olhos para Você da autora Bella Andre.

O kit contém:

1 exemplar do livro.
1 marcador.
1 cinta liga.
1 caixa personalizada.*


Para participar você só precisa seguir as regras abaixo:

Regras:

1 - Morar ou ter residência no Brasil.
2 - Ser seguidor do blog Canto de Meninas.
3 - Preencher o formulário do Rafflecopter abaixo, que lhe dará direito automaticamente a vários números extras e a twittar a frase contida no Rafflecopter uma vez por dia.

a Rafflecopter giveaway


O sorteio começa hoje e vai até o dia 24 de Novembro.
O resultado será dado aqui no blog.
Logo após o sorteio entrarei em contato com o ganhador solicitando seus dados para o envio do kit.
O prêmio será enviado entre 20 e 30 dias após o contato com o ganhador.
Espero que curtam a promoção e participem! =D
Bjs

*A caixa poderá ir desmontada por causa dos Correios.

Continue lendo...

Resultado - Promoção Não posso me apaixonar




Resultado da promoção que o CdM fez em parceria com a Editora Novo Conceito , sorteando um kit do livro Não posso me apaixonar da escritora Bella Andre.

O sorteio foi realizado através do Rafflecopter.

Foram 142 entradas válidas, incluindo os números extras de divulgação e sendo excluídas as repetidas e incompletas.

E o vencedor foi:

a Rafflecopter giveaway


Meus parabéns Morgan Rose (Debora Miller)!!!

Agora irei entrar em contato com a ganhadora por e-mail para pedir seus dados, e ela tem até cinco dias úteis para me responder senão o sorteio será refeito. O prêmio será enviado num prazo de até 30 dias após o envio do endereço pela ganhadora.

Muito obrigada a todos que participaram.
E continuem participando das outras promos do CdM!!! :D
Bjs
Continue lendo...

Toda Sua - Sylvia Day





Sinopse:

Eva Tramell tem 24 anos e acaba de conseguir um emprego em uma das maiores agências de publicidade dos Estados Unidos. Tudo parece correr de acordo com o plano, até que ela conhece o jovem bilionário Gideon Cross, o homem mais sexy que ela - e provavelmente qualquer outra pessoa - já viu. Gideon imediatamente se interessa por Eva, que faz tudo o que pode para resistir à tentação. Mas ele é lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso e sempre consegue o que quer - Eva acaba se entregando. Uma relação intensa começa. O sexo é considerado por eles como incrível. Capaz de levar os dois a extremos a que jamais tinham chegado. E, então, eles se apaixonam - o que pode ser tanto a chave para um futuro feliz quanto a faísca que trará de volta os traumas do passado.


Minha Opinião:

Toda Sua, primeiro volume da que antes era um trilogia e depois virou uma saga com cinco livros, a série Crossfire, criada por Sylvia Day, é um erótico com personagens muito bem construídos que são cheios de traumas e segredos do passado.

Eva se muda para Nova York e em seu primeiro dia de trabalho no novo emprego conhece o magnata (que também é dono do prédio e da empresa para qual a Eva trabalha entre outras coisas) Gideon Cross, a atração entre eles no primeiro encontro é imediata mas será que duas pessoas complexas com segredos e problemas profundos e pessoas querendo atrapalhar o romance deles, quando se perceberem apaixonados, conseguirão fazer essa relação dar certo?

Me surpreendi positivamente com esse livro, apesar de ter muito sexo no decorrer das páginas, afinal de contas, é um erótico (dã), ele tem uma história bem criada, os personagens, não só os protagonistas, são super bem desenvolvidos e a trama é bem elaborada (percebe-se que a autora fez uma profunda pesquisa sobre o tema abusos). Sylvia Day, conseguiu criar dois protagonistas traumatizados que buscam a felicidade no amor que um sente pelo outro, mas como não poderia deixar de ser, isso se não se mostra nem um pouco fácil, já que seus próprios traumas se chocam com o do outro, assustando, magoando, relembrando e tornando, em determinados momentos, mais difícil a superação desses traumas. Além disso, enquanto eles lutam para conseguir fazer esse relacionamento que é novo para os dois avançar, numa dinâmica regada a muito sexo e luta pelo controle, eles ainda têm que lutar com os ciúmes, inseguranças e com outras pessoas querendo que eles se separem.

Achei o livro muito bom dentro do gênero e fiquei curiosa para ler os outros e ver como o relacionamento dos dois e a história avançam, acho que a série ainda tem muito a ser explorada, principalmente a personalidade intrigante do Gideon. Espero poder ler os próximos assim que possível.

PS.: achei bem legal saber que a série de livros vai virar uma série de TV. Confesso que desde já estou curiosa para saber quem serão os atores que serão escolhidos e para assistir rsrs.

Continue lendo...

Promoção - Laços Inseparáveis




PROMOÇÃO ENCERRADA!!!

Promoção nova!!!

Em parceria com a Editora Novo Conceito , o Canto de Meninas vai sortear um kit do livro Laços Inseparáveis da autora Emily Giffin.

Você pode ler minha resenha sobre ele clicando aqui.

O kit contém:

1 exemplar do livro.
1 marcador.
1 protetor para chave.
1 caixa personalizada.*


Para participar você só precisa seguir as regras abaixo:

Regras:

1 - Morar ou ter residência no Brasil.
2 - Ser seguidor do blog Canto de Meninas.
3 - Preencher o formulário do Rafflecopter abaixo, que lhe dará direito automaticamente a vários números extras e a twittar a frase contida no Rafflecopter uma vez por dia.

a Rafflecopter giveaway


O sorteio começa hoje e vai até o dia 17 de Novembro.
O resultado será dado aqui no blog.
Logo após o sorteio entrarei em contato com o ganhador solicitando seus dados para o envio do kit.
O prêmio será enviado entre 20 e 30 dias após o contato com o ganhador.
Espero que curtam a promoção e participem! =D
Bjs

*A caixa poderá ir desmontada por causa dos Correios.

Continue lendo...

Os Adoráveis - Sarra Manning




Sinopse:

Jeane é blogueira. Seu blog, o Adorkable, é um blog de estilo de vida — na verdade, o estilo de vida dela — e já ganhou até prêmios na categoria “Melhor Blog sobre Estilo de Vida” pelo The Guardian e um Bloggie Award. Adora balas Haribo, moda (a que ela cria, comprando em brechós) e colorir (ou descolorir totalmente) os cabelos. Cheia de personalidade e meio volúvel, ainda assim Jeane é bacana — mesmo nos momentos em que se transforma numa insuportável. Mas, certamente, ela não olharia duas vezes para Michael. Porque Michael é o oposto de Jeane. Ele é o tipo de cara que namoraria a garota mais bonita da escola. E compra suas roupas na Hollister, na Jack Wills e na Abercrombie. Além disso, diferente de Jeane, que é autossuficiente, Michael é completamente dependente do pai, o Clínico Geral que condena açúcar, e ainda permite que sua mãe compre suas roupas! (Embora, para Jeane, o pior mesmo sobre Michael é que ele baixa música da internet e nunca paga por isso). Jeane e Michael têm pouco em comum, além de algumas aulas e uma maçante dupla de “ex” — Scarlett e Barney. Mas, apesar disso, eles não conseguem se desgrudar desde que ficaram pela primeira vez.


Minha Opinião:

Os Adoráveis de Sarra Manning é um livro super gracinha cuja protagonista eu me identifiquei (e acho que outros blogueiros também se identificarão rs) pelo fato dela ser blogueira e tuiteira também, então, apesar do blog dela ser de moda e estilo de vida e de ela ser muito famosa (fiquei impressionada com todos os prêmios que ela ganhou e ela ainda consegue ganhar dinheiro com isso, uau!!! rs), quando ela falava que ia escrever um post ou que tinha tido uma ideia pra um, eu lembrava logo daqui do blog e pensava: "Sei bem como é isso, Jeane." kkkkk. #alouca
Mas as coisas em comum terminam por aí e não estamos aqui pra falar de mim e sim da Jeane, do Michael e do seu livro bonitinho, rs.

A Jeane é uma personagem muito forte e uma mistura interessante de pessoa com carisma que ao mesmo tempo tem um temperamento horrível e um gênio fortíssimo. A Sarra conseguiu criar uma personagem única e que é adorável mesmo com seus defeitos e erros. E ela foi tão bem sucedida que ao contrário do que poderia ter acontecido, eu não perdi a paciência com a Jeane em nenhum momento e a leitura ocorreu de uma maneira tranquila, e digo mais, até me diverti com o jeito dela (!) rs.

É curioso ver como ela e o Michael não tem absolutamente nada em comum, são pessoas completamente diferentes, com vidas totalmente diferentes e ainda assim, o romance deles começa aos poucos e os sentimentos entre eles (que eles não admitem que têm) começam a crescer sem eles nem se darem conta. Aliás, um dos muitos pontos positivos da trama na minha opinião foi esse; o envolvimento deles começar devagar e de forma sutil, natural e descompromissada, a autora conseguiu introduzir essa parte aos poucos na história e foi muito feliz ao fazer isso, pois ao contrário ficaria algo difícil de acreditar e forçado porque a princípio os dois personagens se detestam.

O livro é muito fofo, o texto só é um pouco lento no começo mas nada que seja arrastado, se você estiver com paciência para ler algo mais calmo assim, você vai se divertir bastante como eu, principalmente quando a história engrena e você já se acostumou com o caráter excêntrico da Jeane. E esse romance "gato e rato"/"entre tapas e beijos" do Michael com a Jeane é uma das coisas mais legais do livro além da mensagem de "seja você mesmo" que ele passa.
Gostei muito, foi uma ótima primeira experiência de leitura de livro da autora.

Continue lendo...

Resultado - Promoção Ladrão de Almas




Resultado da promoção que o CdM fez em parceria com a Editora Novo Conceito , sorteando um kit do livro Ladrão de Almas da escritora Alma Katsu.

O sorteio foi realizado através do Rafflecopter.

Foram 352 entradas válidas, incluindo os números extras de divulgação e sendo excluídas as repetidas e incompletas.

E o vencedor foi:

a Rafflecopter giveaway


Meus parabéns Jessica Gomes!!!

Agora irei entrar em contato com a ganhadora por e-mail para pedir seus dados, e ela tem até cinco dias úteis para me responder senão o sorteio será refeito. O prêmio será enviado num prazo de até 30 dias após o envio do endereço pela ganhadora.

Muito obrigada a todos que participaram.
E continuem participando das outras promos do CdM!!! :D
Bjs
Continue lendo...

Amor, maior que tudo - Nora Roberts - (Maratona de Banca)




Sinopse:

Corpos febris, gemidos abafados. É o amor!

Que lábios sensuais e tentadores! Devem ser macios, Laurel imagina ao deter o olhar sobre eles. Macios e ao mesmo tempo violentos, apaixonados, másculos. Bastaria a ela chegar mais perto, erguer o rosto e...

Sexo com ela deve ser uma experiência e tanto! Matt tem desejos de agarrá-la e roubar aquele beijo que Laurel quase lhe deu espontaneamente.
O ontem e o amanhã estão bloqueados pelo presente. Laurel e Matt: loucos, loucos.


Minha Opinião:

Sétimo livro da Maratona de Banca 2013, e livro do mês de Outubro (consegui atualizar, ueba! \o/) com o tema: Livro da autora Nora Roberts.

Esse livrinho para mim foi como o correspondente ao mês de Setembro; uma leitura agradável mas que não desperta grandes emoções.

Laurel e Matthew trabalham na redação de um jornal (que é do pai da Laurel), são vizinhos (moram no mesmo prédio, lado a lado), além disso, o Matt é o melhor amigo do irmão da Laurel e eles se conhecem desde os tempos da faculdade onde eram colegas de quarto, e tudo seria ótimo se não fosse por um "pequeno detalhe"... Laurel e Matt não se suportam, (na verdade é mais pela parte da Laurel), brigam como cães e gatos (principalmente quando o Matt fica soltando piadinhas com o jeito da Laurel e cantando ela rs) e se toleram, tentando camuflar uma atração poderosa e talvez até algo mais profundo, e talvez a relação deles continuasse assim (ou não) se uma mulher não aparecesse no jornal pedindo ajuda para descobrir quem matou a irmão dela e eles não fossem obrigados pelo chefe (o editor, não o pai da Laurel) a trabalharem juntos na investigação de uma matéria para tentar descobrir a verdade sobre a morte de uma moça que acabam descobrindo que era esposa de um grande amigo e também o primeiro amor (não correspondido) da Laurel.
Em busca pela verdade, se a jovem foi realmente assassinada ou não e se foi, por quem, eles acabarão descobrindo verdades amargas (nesse caso, a Laurel), terão algumas surpresas bem desagradáveis, a Laurel sofrerá ameaças de morte e mesmo com tudo isso acontecendo terão que aprender a lidar com as descobertas dos seus próprios sentimentos e com a mudança total na sua relação.

Achei esse livro bem mais ou menos por ser um da Nora, mas fiquei o tempo todo me lembrando que esse livro foi publicado originalmente em 1985, ainda começo da carreira dela, por isso é perfeitamente normal não ser tão bom quanto os de hoje em dia; geralmente quanto mais um autor escreve melhor ele fica, por isso, tendo isso em mente, dei um desconto enquanto lia rsrs. Mas achei os protagonistas bem legais; desde esse tempo a Nora já criava heroínas fortes e a Laurel é assim, só achei ela um pouquinho teimosa e metida a ser a certa demais, confesso que em alguns momentos ela me irritou um pouquinho por isso mas depois quando ela "dava o braço a torcer" ela se redimia comigo rs, já o Matt me conquistou; determinado, decidido, irônico, não é arrogante, adorei ele rs. E também gostei muito da reviravolta no final sobre a identidade do assassino(a), apesar de não ter sido uma surpresa porque essa pessoa também estava na minha lista, mas foi bom de todo jeito porque, bom, gostei da solução e da explicação e não foi forçado, rs.

No geral foi uma boa leitura, não impactante, sem surpresas, porém boa, deu pra ler bem rapidinho.
Tomara que a do próximo mês seja melhor, um pouco mais emocionante. *torcendo*

Ah, sim! Quase esqueci: esse livro faz parte de uma série chamada Language of Love (Linguagem do Amor, numa tradução livre) com 48 livros que a Nora escreveu na década de 80 e foram relançados na década de 90 - cada um associado com uma flor (que na reedição nos anos 90, foram colocadas nas capas) - mas cada livro pode ser lido separadamente, as histórias não tem nenhuma ligação, nem os personagens. Esse livro Amor, maior que tudo é o 21º da série e tem como flor correspondente a Orquídea. ;)



Continue lendo...

Corações Feridos - Louisa Reid




Sinopse:

Hephzibah e Rebecca são irmãs gêmeas, mas muito diferentes. Enquanto Hephzi é linda e voluntariosa, Reb sofre da Síndrome de Treacher Collins — que deformou enormemente seu rosto — e é mais cuidadosa. Apesar de suas diferenças, as garotas são como quaisquer irmãs: implicam uma com a outra, mas se amam e se defendem. E também guardam um segredo terrível como só irmãos conseguem guardar. Um segredo que esconde o que acontece quando seu pai, um religioso fanático, tranca a porta de casa. No entanto, quando a ousada Hephzibah começa a vislumbrar a possibilidade de escapar da opressão em que vive, os segredos que rondam sua família cobram-lhe um preço alto: seu trágico fim. E só Rebecca, que esteve o tempo todo ao lado da irmã, sabe a verdadeira causa de sua morte... Hephzi sonhara escapar, mas falhara. Será que Rebecca poderia encontrar, finalmente, a liberdade?


Minha Opinião:

Uma leitura "soco no estômago".

Corações Feridos, escrito por Louisa Reid, é uma leitura com impacto forte e que mexe com as emoções até do leitor mais duro.

Rebecca e Hephzibah cresceram numa casa repleta de segredos; ninguém sabia o que acontecia com elas, todos os maus-tratos que passaram e todas as negligências que sofriam. Elas estudavam em casa - só começaram a frequentar a escola com 16 anos - não tinham amigos e só saiam de vez em quando para comprar mantimentos. Até que finalmente a Hephzi consegue fazer elas irem à escola. Só que o que era pra ser um progresso, um passo em direção à liberdade, acaba por se revelar algo muito mais grave que vai complicar muito mais as vidas das meninas e desencadear consequências terríveis.

Esse é um daqueles livros dos quais é complicado escrever uma resenha porque você não pode contar muito da história senão estraga a surpresa e as revelações perdem todo o impacto inicial que devem ter. Além disso, é muito difícil encontrar palavras para descrever um livro que mexe tanto com a gente, algumas coisas só são entendidas ao se sentir a mesma emoção e palavras se tornam irrelevantes.
Por isso, não vou entrar em maiores detalhes sobre a trama mas vou comentar sobre o livro de uma forma geral.

Então, tenho que dizer que achei interessantíssima a estrutura de narrativa usada pela autora: o livro não tem capítulos. É dividido entre partes alternadas narradas pela Rebecca e outras pela Hephzi na maior parte dele, e isso é genial porque "vemos" os pontos de vista das duas sobre as vidas delas, sobre a casa, sobre os pais, sobre a escola, o mundo em si, e o que eu achei mais interessante: sobre como elas mesmas se veem e como veem uma a outra - esse último quesito é o que mais me chamou a atenção porque mesmo sendo gêmeas, crescendo juntas e se conhecendo tão bem, elas se equivocam sobre a visão que uma tem da outra e sobre o que cada uma acha da vida, das ações da outra e às vezes até dos seus sentimentos em relação à tudo. Claro que não erram sempre, afinal elas sempre viveram juntas, mas existem muitas noções equivocadas sim, por isso que é tão fascinante "sair" da cabeça de uma para "entrar" na da outra e assim por diante e perceber essas diferenças, o que faz com que o leitor muitas vezes tenha acesso a dois ângulos de visão - bem diferentes, por sinal - sobre um mesmo acontecimento da trama.

Corações Feridos, mexeu profundamente com minhas emoções, entrou para a categoria dos melhores livros do ano. É um livro sombrio que trata de temas difíceis, polêmicos e indigestos. Por isso, a expressão que eu usei no começo dessa resenha: "livro soco no estômago" é como eu classifico livros assim, de difícil leitura, que te tiram o ar de repente e te atordoam, te deixam desorientado, perdido, por isso que o ideal é se ler em um momento emocionalmente propício, em que não se esteja deprimido nem com mau humor (livros como Cuco, por exemplo), mas que compensam por te fazer sentir essa mistura maravilhosa de emoções e te fazem refletir sobre a vida.
Perfeito, perfeito! Simplesmente maravilhoso!!!

Continue lendo...

Boletim Harlequin #22 - Parte 02: Lançamentos de Outubro


Segunda parte dos lançamentos da Harlequin Brasil de Outubro, chegando! (Primeira parte, aqui.) =^.^=

Confira abaixo alguns destaques dos lançamentos para a segunda quinzena desse mês:



Orgulho e Paixão - Os MacGregors 3/10 - Nora Roberts

Sinopse:

Criativa, envolvente, espontânea. Shelby Campbell não se assemelha às mulheres que o senador Alan MacGregor já conhecera. Até então indiferente ao amor, Alan se apaixona por Shelby, apesar de ela evitar qualquer tipo de aproximação. Mas nada o impedirá de conquistá-la, nem mesmo a rixa secular entre os MacGregors e os Campbells…



Prontos para Amar - (Modern Sexy 75) - Nicola Marsh

Sinopse:

Ava sempre viveu sob os holofotes e agora quer distância dos paparazzi. Mas, logo em sua primeira missão como escritora independente, ela tem que entrevistar Roman Gianakis, uma lenda dos esportes radicais. A atração é instantânea, contudo, Ava teme que ele o arraste de volta para as páginas dos tablóides...



Escolha do Destino - (Rainhas do Romance 82) - Os McKettricks 4/16 - Linda Lael Miller

Sinopse:

Holt McKettrick tenta chegar a tempo no Texas para salvar seu melhor amigo. No caminho, Holt encontra Lorelei Fellows, cansada de ser brinquedo na mãos dos homens. A presença marcante de Holt deixa tudo mais complicado…Afinal, como ignorar um homem com uma mira certeira e um coração faminto?



Ousadia - (Flor da Pele 04) - Tawny Weber

Sinopse:

Quando a crítica literária Delaney Conner ganha uma repaginada no visual, ela começa a atrair muita atenção! Especialmente de Nick Angel, escritor rebelde, cujo último livro Delaney devorou. Sua principal crítica ao romance? Falta de emoção nas cenas de sexo. Nick a acha muito, muito atraente. Mas ele sabe que é apenas uma questão de pele. Então Nick desafia a crítica: ou ela prova sua hipótese de que o amor torna o sexo inesquecível, ou admite a teoria dele, de que a melhor transa é só física.





Inverno Sombrio, A Sagrada e o Maldito e Tempo de Perdão - Guerreiros do Gelo - (Harlequin Históricos 135) - Os Irmãos MacEgan 7/7 - Michelle Willingham

Três histórias em uma edição!

Sinopses:

INVERNO SOMBRIO - O marido de Brianna foi morto, e ela quer vingança. Mas Arturo a distrai com seu corpo musculoso e pode derreter seu coração congelado.

A SAGRADA E O MALDITO - Rhiannon é salva por Kaall durante uma nevasca. Eles se completam, mas ficarão juntos? Além de cego e exilado, Kaall é inimigo da prima de Rhiannon.

TEMPO DE PERDÃO - Adriana vai se casar com Liam. Mas ela tem um segredo: para salvar a vida dele, teve que traí-lo. Ele conseguirá perdoá-la quando souber a verdade?

Continue lendo...

O preço de uma dívida - Linda Howard - (Maratona de Banca)




Sinopse:

Michelle está perturbada. Rafferty, de maneira ostensiva, mede-a dos pés à cabeça, e em seguida detém o olhar nas curvas dos seios bem-feitos. Ela sente que enrubesce; jamais um homem a olhara de tal forma, como se a desnudasse. O medo e a revolta crescem dentro de Michelle. A proposta que acabara de ouvir dos lábios daquele homem é indecorosa, abjeta. “Chega!”, ela grita. “Você não pode me tratar assim! Jamais me tornarei sua amante para pagar as dívidas deixadas por meu pai!”


Minha Opinião:

Sexto livro da Maratona de Banca 2013, e livro do mês de Setembro (atrasada de novo D:) com o tema: Livro da autora Linda Howard.

Esse é o terceiro livro da série Kell Sabin ou Rescues escrita por Linda Howard, composta no total por quatro livros, mas todos têm histórias independentes então dá para ler os livros separadamente, fora de ordem ou sem ter lido os outros (como foi o meu caso) numa boa, pelo que eu entendi lendo as sinopses a única coisa em comum entre os livros é que um dos protagonistas - ou os dois - é resgatado de algum perigo ou ajudado em uma situação delicada - no caso de O preço de uma dívida, a Michelle é resgatada da falência e de um ex-marido perigoso pelo Rafferty) - daí o nome da série Rescues = Resgate/ajuda/auxílio.

Michelle está passando por uma fase muito difícil desde que seu pai morreu e tudo piora para ela ao descobrir entre documentos antigos, que seu pai estava devendo muito dinheiro para o seu vizinho, o fazendeiro John Rafferty, alguém por quem ela se sente intimidada e de quem vem fugindo há dez anos porque sempre sentiu algo por ele e achava que ele era um conquistador barato e nunca se interessaria por ela, que tinha 18 anos na época. Por isso, depois de tantos anos, é um choque ter que descobrir que tinha uma dívida tão alta com ele, além de tantos outros credores e que teria que, depois de tanto tempo o evitando, conversar com ele e tentar negociar mais tempo para pagar a dívida, só que Michelle não poderia imaginar que John também era interessado por ela todo esse tempo e que ao contrário do que ela poderia pensar, depois de passada toda a mágoa e por isso num primeiro momento ele ter feito a proposta indecorosa que fez, ele teria as melhores intenções do mundo e que ele não é esse canalha que ela acreditou que ele fosse.

Apesar da premissa já meio batida casal-que-se-odeia-mas-também-se-ama e mocinho-com-o-orgulho-ferido-que-oferece-dinheiro-ou-o-perdão-da-dívida-para-a-mocinha-virar-sua-amante esse livro é bem legal porque a Linda tem o dom maravilhoso de criar personagens fortes e tornar uma trama comum algo interessante que consegue prender a atenção do leitor até o fim.
Além disso, as mocinhas dela são ótimas, personagens de fibra que não ficam só se lamentando e esperam ser salvas mas vão à luta para tentar mudar sua realidade, só com isso os livros dela já ganham vários pontos comigo rsrs.
No começo do livro a Michelle me lembrou muito - pela situação parecida e pelo orgulho - a Scarlett O'Hara de E o Vento Levou e o seu "Jamais sentirei fome novamente", só faltou aquela música de fundo rs. E é ótimo ver ela vencer o orgulho e reconhecer que ela estava errada em relação ao Rafferty e o mesmo com ele, é muito bacana perceber ele mudando sua opinião sobre a Michelle, que ela não é a mulher fútil (ou não mais, pelo menos) e que gostava de ser sustentada, que ele achava que ela fosse. Os personagens são maduros e conforme vão se conhecendo melhor, vão amadurecendo mais ainda e um dando força e apoio ao outro, eu gostei muito disso no livro.

Só não ganhou mais pontos/estrelas comigo por causa da trama, não teve nenhuma surpresa, foi tudo bem previsível. Mas excluindo isso, foi uma boa leitura, Linda sempre competente.

Estou curiosa para saber como será minha próxima leitura da Maratona, tomara que seja boa também. :)

Continue lendo...

O amor mora ao lado - Debbie Macomber




Sinopse:

Lacey Lancaster sempre quis ser esposa e mãe. No entanto, depois de um divórcio bastante doloroso, ela decide que é hora de dar um tempo em seus sonhos e seguir sozinha mesmo. Mas não tão sozinha: sua gatinha abissínia, Cléo, torna-se sua companhia de todas as horas. Até é uma vida boa — um pouco aguada, é verdade — a de Lacey. A não ser por seu escandaloso vizinho, Jack Walker. Quando Jack não está discutindo, sempre em voz muito alta, com sua namorada — com quem insiste em morar junto — está perseguindo seu gato, chamado Cão, pelos corredores do prédio. E Cão está determinado a conseguir que a gatinha Cléo sucumba aos seus avanços felinos. Jack e Cão são realmente muito irritantes. Mas acontece que a primeira impressão nem sempre é a que fica...


Minha Opinião:

O Amor Mora ao Lado, escrito por Debbie Macomber - uma das escritoras de romance contemporâneo que eu gosto bastante, apesar de ter lido poucos livros dela, diga-se de passagem - é um desses livrinhos bem leves e que são ótimos para relaxar.

Lacey Lancaster, a mocinha, vem passando por momentos difíceis na vida desde que se divorciou de seu marido que arrumou outra mulher, e ela (Lacey) achou melhor se mudar para outro lugar para recomeçar a vida, mas nada é assim tão simples; apesar de ter comprado uma gatinha para lhe fazer companhia e de também ter uma amiga, Lacey se sente muito solitária e no fundo ainda sofre pelo casamento desfeito, não tem coragem de pedir um aumento ao seu chefe que a explora e ainda por cima seu vizinho Jack Walker vive aos gritos com uma suposta namorada que aparece sempre por lá pelo prédio.
Pobre Lacey, só quer paz! Mas quem disse que ela vai conseguir com isso tudo acontecendo e para completar com o gato vira-lata de Jack atrás de sua pobre Cléo?!
O problema é que depois de um certo incidente envolvendo ambos os gatos, Lacey vai ter que aprender a conviver, mesmo contra a sua vontade, com o mulherengo Jack que mexe com ela e a partir daí ela vai aprender que muitas vezes as aparências enganam e que na vida temos que ter coragem para dar um passo de fé que mudará o nosso destino.

Como já disse, eu gosto muito dos livros da Debbie Macomber, tudo que li dela me agradou até agora, e penso que seus romances sabem cumprir de forma excelente ao que se propõe; proporcionar momentos de diversão e emoção.
Não vou dizer que amei ou adorei O amor mora ao lado, pois dos livros que li dela até agora, achei esse o mais fraco, não sei se foi a pouca quantidade de páginas (160, e com uma fonte de texto enorme) ou se foi a própria história em si que achei meio rasa mas que eu esperava mais, ah esperava!
A autora poderia ter explorado mais os sentimentos da Lacey, o que ela sente em relação ao Jack ou a própria relação de vizinhos/amigos/casal entre os dois mesmo com poucas páginas (já vi outros autores conseguirem isso escrevendo contos) mas talvez ela não tenha feito isso para não sair do tom de comédia, quem sabe.

Só sei que mesmo com poucas páginas e não se aprofundando tanto, eu achei o livro legal, nada ótimo ou algo assim, meio fraco, é verdade, mas dá para dar umas risadinhas com os chiliques e paranoias da Lacey e admirar a persistência (e paciência) do Jack (rsrs), sem contar que achei a diagramação com os gatinhos uma fofura kkkkkk. ^^'
Então, acho que no saldo geral de leitura saí no lucro, mas quero mais Debbie. o/

Continue lendo...

As Violetas de Março - Sarah Jio




Sinopse:

Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio. Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.

Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes. Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.

Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.

Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.


Minha Opinião:

Um livro lindo!

As Violetas de Março é o livro de estreia de Sarah Jio e também minha primeira leitura de alguma obra da autora que mesmo sendo meu único - ainda - contato com um texto dela, já me conquistou completamente e me fez desejar ler outros livros dela.

Emily Taylor, a protagonista desse livro, é uma escritora que fez muito sucesso anos atrás com seu primeiro livro e desde então não conseguiu lançar mais nada, por isso, se sente muito frustrada e além disso, acabou de se divorciar do ex-marido que a trocou por outra, então, enquanto passa por esse momento difícil sua melhor amiga a sugere que faça uma viagem para espairecer, tentar esquecer e quem sabe, conseguir escrever um livro novo. Então, Emily viaja para Bainbridge Island, uma ilha na qual sua tia mora e onde ela passou muitos momentos felizes quando era criança e ia passar as férias lá.

Depois de se instalar na velha casa de sua tia e matar as saudades do lugar, Emily acaba descobrindo um diário antigo da década de 40 esquecido dentro de uma gaveta no quarto em que está instalada e a partir daí ela descobrirá que muito do que ela acreditava ser verdade sobre o passado de sua família na verdade não é. E restará a ela a missão pessoal de "desenterrar" os segredos da família e tentar dar um fechamento para a história da pessoa que escreveu o diário e que ficou sem conclusão e sem respostas.

Eu adorei o livro, fiquei todo o tempo tentando, junto com a Emily, descobrir a verdade e todo o mistério acerca das suas origens, das vidas dos seus antepassados, e esses segredos me fizeram querer continuar a ler até o final para saber o que realmente aconteceu. Não posso comentar sobre que ligação a personagem que protagoniza o grande mistério que a Emily está tentando resolver tem com ela pois seria um grande spoiler, mas posso dizer que a Esther, a personagem citada, tem um papel importantíssimo na história e que o que a Emily descobrir vai abalar não só sua vida, mas como as de outras pessoas, mas vai encerrar uma história antiga e que nessa busca pela verdade a Emily irá descobrir o seu próprio caminho para a felicidade e é muito emocionante acompanhar essa jornada.

Eu me vi torcendo pela felicidade da Emily, ansiosa para o mistério ser revelado e me emocionando com as lindas cenas que recheiam o livro. Os personagens são admiravelmente fortes e a abordagem, a trama e a escrita da Sarah são de uma delicadeza e beleza ímpares. Muito tocante. São de mais livros assim que o mundo precisa.
Tomara que a Novo Conceito lance por aqui mais livros dela em breve.

Continue lendo...

A Ascensão da Meia-Noite - Lara Adrian




Sinopse:

Em um mundo de sombras e escuridão, o desejo é a arma mais mortífera…

Para a jornalista Dylan Alexander, o que começa como a descoberta de uma cripta oculta acabará se transformando em uma espiral de violência e mistério que colocarão sua vida em perigo. Mas nada é mais perigoso do que o homem ferido e extremamente sedutor que emerge das sombras para carregar Dylan e um mundo sombrio…
Irado por causa de uma traição, Rio é um guerreiro que empenhou a vida na luta contra o exército de Renegados. Ele não permitirá que nada atrapalhe seu caminho – muito menos uma mortal que pode pôr em perigo a existência da Raça, ameaçada agora por um sombrio mal que despertou de sua letargia eterna.
Repentinamente, Dylan não consegue mais resistir ao toque de Rio, e descobre que eles estão unidos por laços fortes. Ela deverá escolher: deixar o reino da meia-noite ou arriscar tudo o que tem por esse homem que lhe mostrou o verdadeiro sentido da paixão e os infinitos prazeres do coração…


Minha Opinião:

A Ascensão da Meia-Noite é o quarto livro da série Midnight Breed escrita por Lara Adrian e cujo protagonista desse quarto volume é o guerreiro Rio que depois de tanto sofrimento desde que quase não escapou da morte e sofreu ferimentos terríveis que causaram sequelas e cicatrizes no primeiro livro da série, O Beijo da Meia-Noite, finalmente consegue ter seu final feliz e seu par romântico é a jornalista Dylan Alexander.

Rio sofreu muito durante esse tempo de recuperação, algo que a autora vem mostrando desde os acontecimentos dramáticos do primeiro livro, e por isso eu torci muito para que ele de fato melhorasse (porque ficar completamente curado talvez seja impossível ou pelo menos, algo que vai demorar muitos anos), portanto, foi com alegria que vi através do passar das páginas desse livro a evolução do personagem.

O que eu achei mais legal foi que a Lara não fez tudo acontecer de repente: o Rio foi melhorando aos poucos tanto fisicamente quanto emocionalmente e mentalmente, afinal a traição que ele sofreu estilhaçou sua alma, e essa evolução lenta também se deu com o romance; o envolvimento dos dois, Rio e Dylan (cuja a única característica que me irritou foi sua teimosia, mas fora isso gostei muito dela, principalmente da sua força e coragem) aconteceu devagar, o que eu acho que foi a atitude certa tomada pela autora; Rio depois de tudo o que passou com a antiga Companheira dele JAMAIS poderia se apaixonar por alguém de uma hora para outra, além irreal e desnecessário, seria algo completamente forçado e sem sentido.

A Lara foi muito sensível ao abordar esses dois pontos de forma lenta e constante, dentro do que o tamanho do livro permitia (já que não é um livro grosso: 360 páginas), tanto que quando tudo chega ao ápice - tanto a história de amor deles, quanto os desdobramentos da guerra, com uma sequência de ação cheia de adrenalina - e depois se resolve, o livro termina de maneira perfeita.

Eu realmente adorei esse volume da MB, achei muito bonito e bem agitado, um dos melhores da série até agora sem dúvida, aliás, a cada livro que passa essa série em vez de dar uma caída como é comum acontecer em livros de séries, principalmente as longas, vai ficando cada vez melhor.
O próximo é o livro do Nikolai e eu já vou guardando fôlego para quando for ler ele, rs. *_*

Você pode ler as resenhas dos outros livros da série, clicando aqui.

Continue lendo...

Boletim Harlequin #22 - Parte 01: Lançamentos de Outubro


Outubro começou e como já é costume, para abrir o mês aqui no blog, trago para vocês os lançamentos da Harlequin Brasil.

Confiram abaixo alguns destaques dos lançamentos para a primeira quinzena do mês que eu selecionei:



Destino Tentador - Os MacGregors 2/10 - Nora Roberts

Sinopse:

O advogado Caine MacGregor tem a reputação de ser um demônio dentro e fora do tribunal. Impetuoso, raramente se depara com um caso – ou uma mulher – que não possa ganhar. Mas Diana Blade é diferente. Caine anseia por quebrar a fria barreira de autocontrole dela e libertar toda a paixão que existe em seu interior. Ele a convence a formar uma parceria profissional, mas será que conseguirá persuadir Diana a arriscar tudo pelo amor de um MacGregor?



Amor Eterno - (Harlequin Special 81) - Caroline Anderson

Sinopse:

Michael Harding teve que viver disfarçado por nove anos. Agora que o perigo passou, não vê a hora de procurar sua antiga namorada, Annie Shaw, que acredita que ele está morto, e a filha deles que ele nunca conheceu.



Fantasia - (Coleção Primeiros Sucessos 41) - Lori Foster

Sinopse:

Sebastian Sinclair concordou em participar de um leilão de solteiros, mas ser arrematado é bem diferente de ser dado a uma aniversariante sortuda. Brandi não consegue acreditar no presente escandaloso que sua irmã inventou para ela: cinco dias em um resort com tudo pago e amante incluído! O que fazer em um lugar paradisíaco na companhia tentadora de um homem deslumbrante como Sebastian? Em pouco tempo Brandi descobre a resposta à sua pergunta: tudo o que quiser!



Príncipe do Deserto e Soberana Sedução - Paixão no Deserto - (Coleção Penny Jordan 03/03) - Penny Jordan

Sinopses:

PRÍNCIPE DO DESERTO

Gwynneth jurou jamais ser escrava dos desejos. Mas ela nem desconfia que o estranho com quem viveu uma noite de paixão no deserto é o sheik Tariq Bin Salud. Agora ele exigirá sua virgindade!

SOBERANA SEDUÇÃO

Kadir, bárbaro, descobre que é herdeiro do trono de Niroli. Para assumi-lo, ele deve se casar. Natália, a escolhida, assumirá muitos desafios e descobrirá que a cama de um selvagem é um lugar mais excitante do que poderia imaginar...





Amor Renegado - (Harlequin Históricos 134) - O Clã MacLerie 6/7.5 - Terri Brisbin

Sinopse:

Lilidh MacLerie é sequestrada pelo primo de Robert Matheson, a fim de usá-la como moeda de troca. Com o toque de Rob ainda presente em suas lembranças e a face dura do amor que lhe foi apresentada, agora Lilidh ficará de frente novamente para seu algoz, que a excita na mesma medida em que a aflige...

Continue lendo...